Perfume Joy Feminino por Jean Patou

Perfume Joy Feminino por Jean Patou
Joy Perfume de Jean Patou, lançado pelo design casa de Jean patou em 1930, é classificado como uma refinada floral fragrância.Intenso e delicioso com composição floral sedutor,Joy foi criado por Henri Almeras, que fizeram suas notas de cabeça irresistivelmente encantador. A composição começa com tuberosa perfumado jilt, rosa , flor de ylang-ylang, aldeídos, pêra doce e saborosas, e notas verdes. O coração bate apaixonadamente em notas de jasmim puro e doce fresco, picante sedutor e agradável e raiz da íris escura. A base de aromas com musk sensual, quente e leitoso pó de sândalo, com tons suaves almiscarado algália.
Cálculo de Frete

Calcule o frete para sua região.

Disponível: Em estoque

R$1.390,00

*Campos Obrigatórios

R$1.390,00
- +
Opções Adicionais
Entrega diferenciada de 15 à 30 dias úteis.
Descrição

Detalhes

Perfume Joy Feminino por Jean Patou foi criado com uma série de cuidados, assim como o vestido de Haute-Cotture mais caro e, portanto, era extraordinária e atemporal. Ele foi apresentado por Jean Patou como "perfume mais caro do mundo 'certo, no momento da Grande Depressão, em 1929, quando o mercado da moda de luxo esmagado e casa de Jean Patou só poderia sobreviver através dos perfumes. JOY é criado de flores raras na concentração única de 10.600 flores de jasmim e 28 dúzias de rosas que enfeitam o coração excepcional deste perfume. Com a alegria tempo alcança enorme sucesso e tornou-se o segundo melhor perfume vendido de todos os tempos (o primeiro best-seller é o lendário Chanel N ° 5). Intenso e delicioso com composição floral sedutor,Joy foi criado por Henri Almeras, que fizeram suas notas de cabeça irresistivelmente encantador. A composição começa com tuberosa perfumado jilt, rosa , flor de ylang-ylang, aldeídos, pêra doce e saborosas, e notas verdes. O coração bate apaixonadamente em notas de jasmim puro e doce fresco, picante sedutor e agradável e raiz da íris escura. A base de aromas com musk sensual, quente e leitoso pó de sândalo, com tons suaves almiscarado algália. A garrafa, tem linhas simples e retas, com um fio de ouro ao redor de seu pescoço, foi projetado pelo arquiteto Louis Sue . Apesar de sua simplicidade, a garrafa deixa uma impressão de luxo e dá a entender que o seu conteúdo é um dos melhores perfumes do mundo. Em 1932, Jean Patou projetou uma pequena garrafa preta e vermelha em que também é apresentado este perfume. Joy foi lançado em 1930 O nariz por trás desta fragrância é Henri Almeras.
Comentários

Queremos saber sua opinião

Como você avalia este produto? *

 
1 1 estrela
2 2 estrelas
3 3 estrelas
4 4 estrelas
5 5 estrelas
Avaliação Geral